22 de dezembro de 2005

REVIEW
Kingdom of Heaven

Image hosted by Photobucket.comAno: 2005
Realizador: Ridley Scott
Actores: Orlando Bloom, Liam Neeson, Edward Norton, Jeremy Irons

A última obra de Ridley Scott versa o período das cruzadas, época que, admito, não é a especialidade do escriba, não podendo assim aferir sobre a veracidade histórica deste fascículo cinéfilo.

Orlando Bloom toma o papel de Balian, um ferreiro cuja mulher e filho foram mortos. Ele pretende expiar os seus pecados, pelo que se dirige a Jerusalém, onde irá conhecer o seu pai, que irá forjar o guerreiro que traz dentro dele. Lá irá ser parte integrante de uma espécie de batalha tripartida pelo controle da cidade, entre Cruzados, Mouros e Sarracenos.

O supracitado actor assina aqui um papel relativamente competente e mostra que pode ser um bom intérprete, se lhe derem os papéis certos. Aqui não é bem o caso, pois como passa meio filme de espada no ar, a sua personagem transforma-se numa espécie de William Wallace, mas um bocado mais amorfo. O mesmo se aplica às cenas de batalha, para as quais Braveheart continua a ser o inevitável (e insuperável) ponto de comparação, em filmes do género.
A realização de Ridley Scott alterna momentos de acção grandiosa (como o cerco a Jerusalém) com outros de grande xunguice mediana. No entanto, o filme nunca desaponta e "pega" do princípio ao fim, embora não seja nenhum orgasmo.

O melhor: A cena das catapultas no referido cerco à cidade. Muito acima da média.

O pior: O dramalhão histórico-xunga e o facto de não ser as fuças do Edward Norton, no papel de rei leproso.

Classificação: 5.5/10

1 comentário:

Sandra disse...

Quando fui ver este filme, ia na expectativa de ver algo que me prende-se á cadeira...tal não aconteceu.Mas devo dizer que eu absorvi uma mensagem que dá muito que pensar sobre a "Igreja" que muitos adoram que é o Cristianismo.

Sandra