5 de fevereiro de 2006

REVIEW
Monster

Image hosting by PhotobucketAno: 2003
Realizador: Patty Jenkins
Actores: Charlize Theron, Christina Ricci

A história verídica de Aileen Wuornos, uma prostituta de Daytona Beach que se tornou numa serial-killer é aqui levada ao écran num filme que consegue ser um fiel reflexo da personagem que a interpreta.

Numa América sem nome ou rosto, mora também uma prostituta sem nome ou rosto, incessantemente abusada, violada e maltratada por toda a espécie de gente com os desejos sexuais mais estranhos que se possam imaginar.
E quando Aileen pensava que esta vida nada mais tinha para oferecer, eis que conhece Selby, uma jovem revoltada que lhe oferece a última coisa que ela, se calhar, esperaria encontrar, o amor. Aileen "agarra-se" literalmente a Selby, vendo nela a última coisa boa que este mundo tem para lhe dar. É necessário largar a prostituição e arranjar uma vida decente mas, sem estudos e sem habilitações, vê-se obrigada a retornar à vida que sempre teve onde, enojada e "no limite" com as aberrações que se lhe deparam, começa a fazer o papel de Deus e a liquidar todos aqueles que a requisitam.
Guiada pelo amor quase doentio que a une a uma insegura Selby, Aileen cai numa espiral de desgraça e quase loucura, coleccionando mortes até chegar à sua, inevitável, por condenação judicial.

Como disse acima, é um filme profundo e deprimente. É o reflexo de mil histórias de prostitutas sem nome, abusadas em terras sem nome, mas cujas sequelas morais permanecerão indefinidamente. E como o pão tem que surgir na mesa, a prostituição impõe-se, para estas mulheres, como a única forma de o fazer lá chegar, dia após dia, abuso após abuso...

O melhor: A interpretação de Charlize Theron, fenomenal! Incrível como uma gaja tão boa pode ficar tão feia...

O pior: O quão deprimente pode ser. Não aconselhado a gente sob Prozac.

Classificação: 6.5/10

Sem comentários: