4 de julho de 2007

REVIEW
The Pursuit of Happyness

Ano: 2006
Realizador: Gabriele Muccino
Actores: Will Smith, Jaden Smith

Chris Gardner (Will Smith) é um homem com muito poucos recursos, que vende aparelhos de medição de densidade da medula óssea (!), mas que tem uma determinação férrea em triunfar na vida.
Após alguns percalços, consegue entrar como estagiário não remunerado numa empresa, como corrector de bolsa, num mundo tremendamente competitivo onde apenas um entre muitos consegue ter sucesso.
Só que, pelo meio, as coisas pioram, Chris perde a casa e, com o filho pequeno "às costas", torna-se num sem-abrigo a comer do que lhe dão e a dormir em WC's públicos.

Resta-lhe uma determinação indomável em triunfar no mundo empresarial, não se esquecendo de passar todo o tempo que lhe é possível com o filho.

Esta é uma história verídica e Will Smith tem aqui um papelão, digno da nomeação para o Óscar que recebeu, e que dá uma abada a todos os outros "casos da vida" que vemos aí aos pontapés, e que pululam como a peste pelas nossas televisões.
É uma história de coragem, de preserverança, de força interior que foi levada com mestria ao écran, pois cativa-nos do primeiro ao último momento...

Pena que, vivendo nós aqui em Portugal, vejamos isto como um exemplo de sucesso demasiado idealista e quase surreal pois bem sabemos que qualquer pessoa aqui, na posição de Chris Gardner, já teria o filho na Seg. Social ou numa família de acolhimento, enquanto Chris estaria, provavelmente, a remexer-se na merda, no seu caixote, num canto duma qualquer avenida.... mas pronto, é bom acreditar que, para alguns, funciona...

O melhor: A interpretação soberba de Will Smith.

O pior: Ser um filme cheio de boas intenções e, por isso, um bocado idealista...

Classificação: 7/10

Sem comentários: