22 de julho de 2007

REVIEW
Rocky Balboa

Ano: 2006
Realizador: Sylvester Stallone
Actores: Sylvester Stallone, Burt Young

Sejamos honestos e não me venham cá com merdas. Quem é que não cresceu a ver os filmes do Rocky e do Rambo? Stallone deu-nos o melhor mimo que era possível. Voltou às raízes com um Rocky honesto, genuinamente bom e que sente um enorme vazio na sua vida, principalmente após a morte da mulher, vítima de cancro.

Como não tem nada a perder, após uma espécie de "provocação computorizada", acaba por aceitar um "showdown" final com o actual campeão do mundo de pesos pesados, um boxeur com talento mas sem alma de vencedor.

Como toda a gente já disse, este é, se calhar, o mais honesto e sincero dos Rockys, sempre filmado de forma simples por Stallone, que recorre aqui e ali a uns truques de imagem interessantes, nomeadamente durante o combate final, para ilustrar "flashbacks" e outros momentos que passam pela cabeça enquanto se apanha com uma valente berlaitada nas trombas.

De resto, não vale a pena contar mais nada sobre o filme porque, quem se lembra do Rocky I, estará aqui a pisar terrenos conhecidos. De destacar a forma surpreendente e quase "televisiva" que Stallone escolheu para filmar o combate final, com o uso de câmaras habituais nesse ambiente, do "ring announcer", das instruções do árbitro antes do combate, dos "close-ups" após o início de cada round.... enfim, é uma estética muito própria e que dá gosto de apreciar.

Stallone pode ter ficado estereotipado ao longo dos anos, depois dos milhentos filmes de acção que fez, mas a verdade é que mostra aqui dotes na realização e potencial para se vir a tornar num Clint Eastwood neste campo........ ou então não.

O melhor: A sinceridade do filme.

O pior: O combate é frouxo.

Veredicto: O que Rocky V devia ter sido...

Classificação: 7/10

Sem comentários: