12 de dezembro de 2007

REVIEW
Next

Ano: 2006
Realizador: Lee Tamahori
Actores: Nicholas Cage, Jessica Biel

Adaptado de um conto do venerável Phillip K. Dick (que já gerou algumas obras notáveis do cinema, como Blade Runner ou Minority Report), esta é a história de um gajo que ganha a vida como mágico e que consegue ver o futuro alguns momentos à frente. O FBI sabe disto e tenta capturá-lo de modo a conseguir prever um ataque nuclear iminente.

Eu nem sei por onde hei-de pegar neste monumental balde de caca de vaca... o que é uma pena, porque a premissa, nas mãos do realizador certo, seria um mimo de "mise-en-scéne" e, em vez disso, temos uma coisa completamente desconexa em que a virtude de conseguir ver o futuro é usada e achincalhada ao máximo de forma a conseguir servir as débeis pretensões do realizador em ter um filme estereotipado ao máximo. Sim, porque eu, ao ver isto, também vi o futuro, e nele consegui prever todos os momentos do filme, antecipá-los sem grande entusiasmo e constatar que, ao contrário do que tudo faria supor, este é um filme chato, aborrecido e previsível até à medula, onde a soberba Jessica Biel não é encavada nem uma única vez e onde Nicolas Cage mostra, pela enésima ocasião, que está afundado até aos joelhos em merda, fruto dos esquálidos argumentos que lhe chegam às mãos, e que resultam, invariavelmente, em bombas de mau-cheiro como esta.

Nic, a tua travessia no deserto promete continuar...

O melhor: A única cena, quase no final, que não seria previsível...

O pior: A direcção. A "mise-en-scéne". Julianne Moore, completamente perdida. O argumento. Os diálogos. Nicolas Cage, num estado "pós Ghost Rider" muito pior do que pensava.

Classificação: 2/10

Sem comentários: