13 de julho de 2009

REVIEW
Angels & Demons

Ano: 2009
Realizador: Ron Howard
Actores: Tom Hanks, Ewan McGregor

Tom Hanks está de regresso como Robert Langdon nesta prequela do famoso Da Vinci Code que, diga-se desde já, não me levantou... o entusiasmo.

Isto porque, mesmo sem ler o livro, dá para perceber que o filme foi todo feito com a mesma toada apressada e precipitada de quem quer condensar uma série de coisas em apenas 2 horas de celulóide, o que obviamente não resulta sob nenhum contexto. No entanto, apercebemo-nos, ao longo do filme, que a trapalhada aqui não é tão óbvia como no Da Vinci Code e Tom Hanks não parece tão mau actor (para além de já não ter aquele penteado ridículo, passível de ser arrancado à chapada).

Ou seja, é um filme de acção razoável, com um enredo razoável (embora algo estereotipado - por exemplo, na presença inenarrável de um razoável par de mamas que faz companhia a Tom Hanks) e umas cenas de acção razoáveis que, por alguns instantes, fazem esquecer o aborrecimento que era assistir ao Código supracitado.

A história dos cardeais é interessante, mas o eterno debate entre ciência e religião fica, mais uma vez adiado pois, como já seria de esperar, falta a Ron Howard um par de tomates para ser mais interventivo no tema e levantar questões realmente pertinentes, limitando-se a transformar tudo numa clássica luta de bem contra o mal.
Mesmo assim, enquanto Langdon luta para salvar os cardeais, tem sempre tempo para, enquanto corre desalmadamente, soltar umas pérolas de sabedoria apressadas para cultivar o espectador incauto e justificar o "background" do livro.

Em resumo, deixa-se ver, mas não vale a ida ao cinema, sendo o filme ideal para uma daquelas pomposas "estreias em televisão".

O melhor: Algumas cenas de acção.
O pior: Tom Hanks, loooooooonge do seu melhor.
Classificação: 5.5

2 comentários:

Luis Monteiro disse...

Não merece um 6 pequenino?

gotadevidro disse...

Bem.... Acho que o filme está muito aquém do livro.Muita coisa omitida no filme sem razão aparente para tal.

A pontuação está excelente...Não merecia mais mesmo.

Pessoalmente achei os artistas mal escolhidos. Em nada se encaixam no conteúdo do livro. Nada mesmo. E há omissões que não percebi.....

Bom resto de semana

bjito