17 de maio de 2010

REVIEW
City Island

Ano: 2009
Realizador: Raymond De Felitta
Actores: Andy Garcia, Julianna Margulies

Este blog anda deprimido e, dizem alguns até, a definhar lentamente rumo a uma morte inevitável. E, no entanto, eis que surgem estas gemas (não do ovo) que fazem o escriba eclodir do seu ocaso e falar alegremente desta obra, gritando com um megafone para quem queira ouvir.

É que este filme é muito, muito bom e atrevo-me, desde já, a vaticinar que vai ser o melhor filme de 2010 que ninguém vai ver. É um filme que, pela natureza intrínsecamente "low-profile", está destinado a passar despercebido pelo cinema, o que seria tão criminoso como injusto.

A história da família Rizzo podia ser igual a tantas outras histórias de famílias disfuncionais que já vimos por aí. É uma família cheia de segredos e que, aos poucos, estão a corroer o tecido que une os já de si frágeis laços familiares. E, no entanto, toda a matiz inerentemente dramática de uma situação que vai descambando para a desgraça é imbuída de uns diálogos tão bons, mas tão bons que fazem disto a comédia do semestre. E melhor se torna quando o filme caminha naquela fina linha entre a comédia e o drama, sem nunca se descoser com nenhum dos lados nem perder a coerência das suas origens.

Este filme pode ser o filho predilecto do Little Miss Sunshine... Queremos mais destes!


O melhor: Um Andy Garcia sublime!
O pior: Vai passar despercebido, por entre Robin Hoods a estrear...
Classificação: 8.5

2 comentários:

- diana disse...

esse pior não é sobre o filme, por isso não percebo...

mesmo assim, estive interessada em o ver, mas estou indecisa.

Edgar disse...

Diana,

É um "pior" para quem não tem outros "piores" a referir.

Parece-me óbvio que a publicidade que o Robin Hood teve pode ajudá-lo mais do que esta pérola.

Apenas isso :)